Cannabis é a droga mais consumida no mundo

Produzida em praticamente todos os países do mundo, a Cannabis é a droga ilícita mais consumida no planeta, de acordo com o “Relatório Mundial sobre Drogas de 2013”, produzido pelo Escritório das Nações Unidas sobre Drogas e Crimes [UNODC – sigla em inglês]. Ao todo, há cerca de 180,6 milhões de usuários, o que corresponde a 3,9% da população mundial entre 15 e 64 anos.

Quanto ao plantio da droga, Marrocos [1º] e Afeganistão [2º] se destacam como os dois grandes produtores mundiais. Juntas, as nações são responsáveis por cerca de 37% da produção global da Cannabis. Países como México e Nigéria também se apresentam como potenciais produtores da planta. Outro dado interessante aponta a queda do uso da substância por jovens europeus na última década, enquanto que, no mercado da América do Sul, a produção cresceu nada menos do que 46% em 2011.

O relatório também traz dados sobre outras drogas ilícitas, como o ópio, utilizado por aproximadamente 16,5 milhões de pessoas em todo o mundo [o equivalente a 0,4% da população mundial entre 15 e 64 anos]. O Afeganistão é responsável por nada menos do que 74% da produção total da droga em 2012. Na segunda colocação do ranking de produtores de ópio ilícito está Myanmar (conhecido também como República da União de Myanmar). No continente americano, o México se mantém como grande produtor da substância.

O relatório produzido pela ONU também afirma que foram produzidas 1.051 toneladas de cocaína em 2011. Sobre o número de apreensões da droga, destacam-se a Colômbia, com 200 toneladas, e os Estados Unidos, com 94 toneladas. O estudo aponta que a produção cresceu na Ásia, Caribe e Américas do Sul e Central. Inclusive, na América Central houve aumento dos níveis de violência por conta da intensa competição pelo mercado de tráfico da cocaína.

Em relação ao número de usuários, o relatório afirma que 27% do total estão concentrados na América do Norte, 24% nas regiões Ocidental e Central da Europa, além de 21% na América Latina e no Caribe. Na África estão 15% dos usuários, enquanto 8% estão na Ásia. Os outros 5% estão espalhados por Oceania e Leste Europeu.

Novas drogas do século 21
Um dos dados mais importantes apresentados pelo relatório é referente ao crescimento das “novas substâncias psicoativas” (NSP), conhecidas também como drogas lícitas ou “designer drugs”. Segundo dados da ONU, o número de NSP subiu de 166, ao final de 2009, para 251, em 2012. Essas substâncias são vendidas abertamente e começam a causar impactos importantes à saúde pública dos países, além do fato de não serem conhecidos o potencial viciante e os efeitos adversos dessas drogas, que apresentam uma quantidade quase infinita de alterações nas suas estruturas químicas.

Anúncios

5 thoughts

    1. maconha pode ate ser ilícita mais não existe nenhum caso de morte causado pelo consumo de tal, ja o cigarro e o álcool…Mundo dahora esse!

    1. se vc ler o texto vai perceber que logo na primeira linha diz que maconha é a droga ILICITA mais consumida

E aí, o que achou? Dê a sua opinião no Fora da Mira!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s